Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2016

Desabafo I

Eu não me envergonho por sentir.
Não me envergonho por sentir, expressar, abraçar, beijar, me declarar, me entregar. Essa é quem eu sou, fazer o quê. Não suporto ver gente assim se retraindo porque é "cool" ser frio e indiferente. Indiferença dói em muitas pessoas, nem todo mundo aguenta isso. Podemos culpar o zodíaco, a construção social, o que quer que seja. O fato é que o ser humano é um ser sentimental. Queiramos ou não a gente sente, e não é pouco. Negar pra quê?  Dizer "eu te amo" não te faz mais fraco - na verdade, hoje em dia requer uma força de vontade tremenda, pois amar intensamente faz as pessoas fugirem.
Ser intenso não é defeito não, minha gente. Não digo também que seja qualidade, tá bem longe disso. Mas nos privar de sentir não nos salva de nada. Ficar preso dentro de jaulas que nós mesmos criamos só piora tudo. Uma hora a gente explode, e o jeito com que fazemos isso pode ser extremamente prejudicante.
Por isso que digo: eu sinto SIM. Eu digo que o…